O motorista apresentava sinais visíveis de embriaguez alcoólica, como hálito etílico, odor de álcool nas roupas e olhos avermelhados.

 

Um homem de 43 anos foi preso na noite deste domingo (6) após se envolver em um grave acidente que matou quatro pessoas da mesma família na Zona Rural de Elói Mendes.

 

O acidente aconteceu no final da tarde de domingo na estrada próxima a Fazenda da Onça.

 
De acordo com a Polícia Militar, o homem que estava em um veículo Pálio, relatou que estava na casa de um colega próximo ao local do acidente, consumindo bebida alcoólica desde as 13h. Que por volta das 15h, foi levar uma pessoa próxima à Ponte dos Buenos e, ao retornar, desviou de um veículo que vinha em sua direção e bateu de frente com o Fusca.

 

 


 

As quatro vítimas fatais que estavam no Fusca eram da mesma família. Antônio Reis, 62 anos, seu filho Rafael Teodoro, 24 anos e a nora Flávia Cristina Rodrigues Souza, 28 anos. Kauane Vitória Cirino, de 11 anos, filha de Flávia, chegou ser resgatada com vida. Ela foi levada em estado grave pelo helicóptero do Corpo de Bombeiros para o Hospital Bom Pastor, em Varginha, mas não resistiu aos ferimentos e foi a óbito.

 

 

 
Ainda de acordo com a Polícia Militar, testemunhas informaram que o local do acidente havia sido alterado, sendo que o veículo Fusca foi retirado de cima de uma das vítimas e o Pálio afastado do meio da via, fatos que foram registrados em vídeo e entregues à perícia.

 

A Polícia Militar informou ainda que ao chegar ao local, o motorista apresentava sinais visíveis de embriaguez alcoólica, como hálito etílico, odor de álcool nas roupas e olhos avermelhados, além de ter afirmado diversas vezes ter ingerido cerveja durante a tarde. 


O homem identificado como Pedro Nivaldo Henrique, foi levado para o Pronto Atendimento, onde recusou fazer o teste do bafômetro. Ele foi preso e conduzido para a delegacia onde teve o flagrante ratificado.